Qual é o valor normal do psa(antígeno prostático específico)?

O valor normal do PSA (antígeno prostático específico) deve ser individualizado para cada paciente.

Não resta dúvida que uma glicose entre 70 e 99mg/dl e uma creatinina abaixo de 1,2mg/dl falam a favor de normalidade.

Em relação ao PSA, esqueça tudo o que está escrito na parte de baixo do resultado do exame. Isso porque o PSA é bem específico para a próstata (mas também pode ser secretado pelo rim e pulmão), porém extremamente inespecífico para detectar qual doença.

Ao analisar um exame de psa, deve-se sempre repetir o exame, pois poderá haver um erro do laboratório, das mais diferentes formas (tanto para mais quanto para menos).

Quando for analisar o exame deverá ser levado em conta análise do psa livre, densidade do psa, velocidade de crescimento do valor , cor da pele e a idade biológica do paciente. Nem sempre todas essas variáveis vão ser analisadas, principalmente quando o valor do psa total estiver dentro dos parâmetros normais.

Abaixo, encontra-se uma tabela(clique na tabela para ver os dados de uma forma clara)  muito útil para análise desse resultado.

Há ainda o parâmetro de uso de finasterida e a presença da andropausa, que diminuem falsamente o valor do psa.


 


 

Caso esteja confirmada a alteração, o médico realiza o pedido do exame biópsia de próstata, caso suspeita de câncer de próstata.

Além do câncer de próstata, a hiperplasia prostática benigna, prostatites, biopsia de próstata, calcifiçações e o infarto prostático são causas de elevação do PSA.

Lembre-se que  o exame de psa em nenhuma hipótese substitui o exame de toque. Afinal, casos de câncer de próstata podem existir com o psa normal (em torno de 25%), passando assim, despercebidos quando rastreados.





Leia mais: Biópsia de prostata transretal por sedação,  Qual é o preparo para o exame de psa?, O que fazer para não ter câncer de próstata?, O que é a próstata?  Prevenção do cancêr de próstata, Como é feito o exame de toque?

.

.

.


 

 





 

 

 

 

 

 

Map