Angioceratomas (glândulas de Fordyce)

São lesões genitais caracterizadas pela dilatação dos vasos sanguíneos dérmicos superficiais e pela hiperceratose da epiderme suprajacente.


A denominação de Glandulas de Fordyce é errônea, pois essa estruturas não são glândulas.




O termo é aplicado a quatro malformações vasculares diferentes. No escroto são encontradas mais comumente(Fordyce). O início do aparecimento dessas lesões são entre os 20 e 50 anos. A pressão venosa aumentada pode estar implicada, como ocorre na gestação e nas hemorróidas. Se desejado, a remoção é realizada por excisão simples ou eletrocauterização.


Leia também: Glândulas de Tyson










 

 

 

 

 

 

Map